Feiras de panificação (guia)


Alemanha, Argélia, Angola, Brasil, Portugal, Polónia, Rússia…  em muitos países podem ser encontradas e visitadas feiras dedicadas inteiramente à padaria e pastelaria ou ao setor alimentar em geral, como é o caso da  Intergal, Expomadeira e a Cake Fest.

Como amantes de tudo o que é relacionado com padaria e pastelaria e com o intuito de facilitar a pesquisa de diferentes feiras realizadas pelo mundo, criámos um Guia de Feiras onde coloca-mos os principais certames, organizados por país e por data de realização.

Caso conheça outras feiras,  informe-nos que nós acrescentamos ao nosso Guia de Feiras.

 

 

Anúncios

Refrigerante feito à base de pão


Na 19ª festa do imigrante em São Paulo, foi apresentado, por um pequeno produtor com raízes lituanas, um refrigerante com baixo teor alcoólico denominado kvas.

O kvas, que significa pão fermentado, surgiu no leste da Europa e é feito a partir do pão preto ou integral rico em cereais como aveia, trigo e cevada, o que ajuda a produção a ser parecida com a da cerveja devido à fermentação do pão.

A bebida de cor castanha tem um teor alcoólico que varia de 0,5% a 2%, sendo um dos motivos pelos quais é caracterizada tanto como refrigerante como cerveja russa.

O produtor,  Rogério Sventkauskas, referiu que a produção do kvas é rudimentar, uma tradição dos antepassados e é consumida na Rússia, Ucrânia, Polónia e Lituânia.

“O processo é similar ao da cerveja: torra-se o pão, aumentando a torrefação, transparecendo com um grão maltado, depois junta-se água a ferver, um processo bem rudimentar. Primeiro ferve, depois arrefece e, quando tiver uma temperatura ambiente de 20 a 30 graus, adiciona-se o fermento para fermentar durante dois ou três dias.

Depois do processo de fermentação, filtra-se para fazer a maturação e mistura-se sumo de beterraba para dar um sabor diferente à bebida que tem como slogan “a coca cola do leste europeu”. Referiu Sventkauskas

 

Fonte

Fonte imagem